Cante Como Homens

Eu nunca vi uma moeda (de baixo valor)¹ falsificada.

Eu suspeito que a razão disso é que a quantidade de esforço necessário para gerar uma réplica e gravidade das consequências por serem descobertas são muito maiores do que qualquer ganho financeiro que o falsificador poderia esperar alcançar. Em vez disso, os falsificadores tendem a itens altamente valorizados: as grandes contas, jóias caras e pinturas famosas. Quando você encontra algo copiado, regularmente, você pode esperar que ele seja valioso.

A masculinidade bíblica tem muitas variações falsas e falsificações baratas porque Satanás está ansioso para nos impedir de experimentar a coisa real. Não devemos nos surpreender que a verdadeira masculinidade tenha muitas falsificações, porque ela é tão importante para compreender o drama da redenção (Efésios 5:32).

Um principal disfarce da masculinidade bíblica é uma espécie de estoicismo grosseiro que trata o afeto como efeminado e que premia o isolamento. Esse tipo de “viril solitário” ignora verdades das primeiras páginas da Escritura. Mesmo antes da intrusão da maldição do pecado, o Senhor Deus determinou que não é bom para o homem estar sozinho (Gênesis 2:18).

A canção da masculinidade não caída

O homem foi criado à imagem do Deus Trino, a comunidade eternamente amorosa do Pai, Filho e Espírito. Existir em comunidade é parte do que significa ser humano, e é um componente necessário da estrutura masculina. E o que faz com que a masculinidade falsa pareça tão próxima da coisa real é que muitas vezes focos no mandato dado por Deus para “trabalhar e manter” (Gênesis 2:15) ignoram que Deus também projetou este trabalho para ser feito melhor com um ajudante.

Quando o Adão não caído vê pela primeira vez seu ajudante, sua resposta não é indiferença casual, mas ele entra em erupção em poesia apaixonada. As primeiras palavras registradas de qualquer ser humano é a canção de amor de um homem sobre sua noiva (Gênesis 2:23). O que isso nos diz? O primeiro homem – o único homem até Cristo a experimentar a masculinidade sem pecado – expressou a plenitude de sua masculinidade através do canto.

Estóicos não cantam

Cantar é uma atividade apaixonada: cantamos quando estamos felizes e cantamos quando estamos tristes. Como escreve Paul Westermeyer:

“A alegria rompe inevitavelmente em canção. O discurso sozinho não pode carregar sua hilaridade. O equipamento físico que usamos para rir é o equipamento físico que usamos para cantar. Do riso à música é apenas um pequeno passo. . . . O mesmo pode ser dito para a tristeza, o oposto da alegria. A tristeza inevitavelmente também rompe em canção. O discurso sozinho não pode carregar seu gemido. O equipamento físico que usamos para chorar é também o equipamento físico que usamos para cantar. Do luto à música é apenas um pequeno passo.”

Nosso canto corporativo é uma atividade profundamente física e forjada com expressão apaixonada. Nossas vozes se elevam em direção ao tom de um grito de celebração; E caem e se alongam em gemidos de lamento e antecipação.

Não é de admirar, então, que muitos homens se sintam desconfortáveis durante a atividade que acontece em algum lugar perto da metade do encontro de adoração corporativa. Se a expressão emocional é falsamente vista em oposição à masculinidade, muitos homens escolhem bancar o guerreiro solitário, em vez de se juntar ao canto do povo de Deus.

Cante como homens

A Escritura tem algo a dizer sobre a masculinidade, e ela se opõe diretamente à falsificação estóica:

“Estejam vigilantes, mantenham-se firmes na fé, sejam homens de coragem, sejam fortes. Façam tudo com amor” (1 Coríntios 16: 13-14)

Como é impressionante que Paulo elabora seu mandamento de “agir como homens” com “façam tudo com amor”. A masculinidade bíblica se estende no amor, especialmente para com os nossos ajudantes na obra do ministério evangélico, a igreja. Os homens viris são homens amorosos.

Deixe seu coração arder

O pastor e teólogo Jonathan Edwards discutiu a relação entre cantar e amar quando disse:

O dever de cantar louvores a Deus parece ser designado inteiramente para excitar e expressar afeições religiosas. Nenhuma outra razão pode ser atribuída pela qual devemos nos expressar a Deus em verso, e não em prosa, e fazê-lo com música, mas apenas, que tal é a nossa natureza e quadro, que estas coisas têm uma tendência a mover nossas afeições.

Alguns homens podem se sentir desconfortáveis cantando na adoração corporativa porque eles não encontram em si mesmos os afetos expressos em orações amorosas de adoração ou hinos de exortação. Mas a visão de Edwards é instrutiva aqui. Nós não apenas cantamos porque sentimos. Nós também cantamos para sentir.

Cantar requer um grande envolvimento físico: postura exigente, respiração profunda, esforço vocal e energia corporal. Ela tem uma capacidade única de tomar verdades mentais e envolver toda a nossa pessoa em resposta. Ele pode ajudar a soprar faíscas em nossas afeições para chamas.

Outras vezes, os homens acham o canto com o povo de Deus desconfortáveis porque não acreditam que a expressão emocional do canto seja apropriada para a masculinidade. Este é o resultado de abraçar uma definição falsa de masculinidade ao invés de uma definição bíblica. Homens masculinos cantam com paixão e amor por Deus e por sua família eclesiástica².

Então, parafraseando o apóstolo Paulo, vamos cantar como homens. E façamos tudo que fazemos com amor.

Ryan Shelton

_____________________________________________________________________

¹O autor usou no original apenas a expressão “penny” para expressar uma moeda de baixo valor no seu contexto americano.

²Para nosso contexto brasileiro eu acrescentaria que isso não significa perder os traços físico e comportamentais masculinos. Devemos evitar os extremos.

_____________________________________________________________________

Original em Desiring God: Sing Like Men

Traduzido por Pedro Pamplona

 

 

Anúncios

One Comment

Add yours →

  1. Que texto interessante! Também percebo isso onde me congrego e é muito bom ler algo intrigante sobre.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s